domingo, 12 de agosto de 2012

Ensinando e aprendendo nas oficinas de ROBÓTICA


 No segundo semestre de 2011, iniciou na E. M. E.F. Engº Mansueto Serafini, em Caxias do Sul,  as oficinas de robótica educacional do Programa Mais Educação, com atendimento de alunos do Ensino Fundamental, em turno contrário. Os planejamentos  estão sendo executados num ambiente interativo, com muita criatividade, explorando o trabalho coletivo com  materiais e espaços escolares diversificados, permitindo aos participantes o desenvolvimento de habilidades e competências relacionadas ao raciocínio lógico, percepção, linguagem, oralidade, escrita, gosto estético e  construção de conceitos inerentes ao tema. Os planejamentos iniciais  objetivaram estimular os alunos para o trabalho prático que seria desenvolvido, levando em consideração os recursos financeiros disponíveis, os quais não permitiam a aquisição dos projetos pedagógicos dos kits comercializados no mercado, na área de robótica educacional e já explorados por escolas da rede particular no município.
 Num ambiente lúdico, alunos e professora deram início a um processo construtivo de troca de experiências e aprendizado recíproco, no qual todos encontravam-se e prosseguem na posição de aprendizes e motivados para tal. Aí, vieram várias atividades como análise de filmes, leituras de textos, pesquisas de textos e vídeos na INTERNET, construção de brinquedos com sucatas e madeiras, sacolões  pedagógicos criativos  com peças de tamanhos, cores e formatos variados, blocos lógicos de materiais diferentes, ilustrações, quebra-cabeças, acrósticos, histórias em quadrinhos, seleção de informações sobre o assunto em questão, elaboração de painéis, montagens de modelos robóticos com sucatas e/ ou kits pedagógicos recomendados pelo MEC e desmontes de equipamentos eletrônicos doados pela comunidade escolar, dentre outras.
Continuo nesta caminhada pedagógica com intuito de oportunizar aos alunos da oficina de robótica situações de aprendizagem que possibilitem a construção do conceito e, quiçá, um estímulo para encaminhar  desejos futuros em nossos alunos para a realização  de cursos profissionalizantes nesta área. Continuo aprendendo a tarefa de aprender a aprender pensar, criar, pesquisar e estimular a inteligência dos alunos, através do exercício da imaginação criadora em educação com visão de futuro.