quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Ficção e Robótica Educacional

Um Link Indispensável na Construção da Aprendizagem
Nas oficinas de robótica educacional do Programa Mais Educação, usufruimos de  várias produções cinematográficas, explorando suas temáticas, as quais abordaram o desenvolvimento da tecnologia em robótica para instrumentalizar nossas aulas e favorecer ao processo de construção do conceito de robótica educacional. Com os filmes EU ROBÔ, GIGANTES DE AÇO, AI- INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL, ROBOCOP, O HOMEM BICENTENÁRIO, e TRANSFORMERS, oportunizou-se a ampliação do foco pedagógico das aulas, de maneira lúdica. As histórias O ROBÔ E A PRINCESA de Maurício de Sousa, e Reinaldo Waissmann (1983) e ROBOTS, ilustraram as oficinas com as turmas dos anos iniciais.
Dentre os elementos comuns nas produções citadas, destaca-se a abordagem das mutações tecnológicas e das Leis da Robótica descritas pelo escritor norte-americano Isaac Asimov, associadas à construção de laços de afetividade entre seus personagens, cujo enfoque pode ser aproveitado na sistematização de planejamentos pedagógicos que estabeleçam relações entre as ações das personagens e a formação de atitudes e valores no ambiente escolar, contribuindo com a constituição sócio-afetiva de alunos e professores, sensibilizando-os para vivências que priorizem  relações interpessoais humanizadas e afetuosas.

"Prefiro morrer como homem a ter uma vida eterna como máquina." (Andrew Martin - personagem  do filme "O Homem Bicentenário")